O lugar mágico da Pólvora

A primeira vez que visitei a Fábrica da Pólvora de Barcarena ainda não tinha idade nem maturidade para absorver a magia daquele local em toda a sua plenitude.
Agora mãe, quis revisitar e saber tudo sobre este espaço que me deslumbra, quer pela sua história, quer pelas transformações que vai sofrendo ao longo do tempo.
Para mim, a Fábrica da Pólvora é um lugar mágico. Um lugar onde todos os dias podem ser realmente diferentes. Há tanto por explorar.
Nem sei bem por onde começar mas, se calhar, é mais fácil contar o dia que passámos e, quando lá forem, absorverão essa magia de um modo muito próprio.
[Fotos – Créditos: www.guiadacidade.pt]
A ideia era ir ensinar o meu filhote a andar de bicicleta sem rodinhas mas afinal havia um parque infantil e a bicicleta ficou para segundo plano. 
Depois de tanto escorregar, pular e brincar com os outros meninos, o foco voltou-se para as ruínas das instalações originais da fábrica.
Aquelas paredes tão grossas despertaram-lhe muita curiosidade e, cada recanto, era um excelente esconderijo para o jogo das escondidas que tanto insistia brincar.
À medida que se ia cansando lá me dava tréguas para eu me inteirar da história da fábrica e dos seus trabalhadores, descrita em painéis dispostos ao longo das ruinas.
[Fotos – Créditos: www.guiadacidade.pt]

Para o meu filho estávamos perante um espaço feliz, rodeado de Natureza, onde tudo era diversão mas, na verdade estávamos em solo onde outrora vários homens tinham perdido a vida, num desastre singular.
Na verdade estávamos num espaço que, noutros tempos, fora crucial para a economia do país.
E toda a nossa tarde foi pautada por estes contrastes. Pela visão de um pequenino feliz e pela história do lugar, que se embrenhava de forma muito importante na História de Portugal.
A juntar a tudo isto, fiquei encantada com a forma como as entidades públicas e privadas têm vindo a revitalizar cada canto deste espaço, perpetuando e aumentando a sua magia.

[Fotos – Créditos: www.guiadacidade.pt]

Onde, no passado, se fabricava algo tão letal, onde se perderam várias vidas, agora respira-se natureza, paz, luz, tranquilidade. A prova viva de que é possível transformar tragédias em histórias felizes.

2 comentários

Deixar uma resposta